categorias: Outras confissões

Mas porquê?

Pois é, sempre lutei contra o ato de escrever, mas pessoas queridas e importantes na minha vida disseram que eu tenho um jeito agradável de escrever… será? Bom, não custa tentar! Vou ser sincera, não garanto nada, não sou especialista em nada, mas quem não gosta de falar sobre tudo que quer, certo? A idéia surgiu conversando com Amelí, então decidimos que a magrinha (ela, claro) vai falar sobre comida e a gordinha, eu, sobre meu maior pecado capital: compras!

Sim, sou culpada, confesso!

Fabíola

Deixe seu comentário