categorias: Onde Ir, Restaurantes

Osaka, o ápice gastronômico da viagem a Santiago

Chegamos ao ápice gastronômico da viagem a Santiago. Antes da viagem tínhamos visto que na lista dos 50 melhores restaurantes da América Latina, haviam muitas opções em Santiago e Buenos Aires, então, porque não aproveitar a oportunidade para conhecer um? 

Escolhemos o Osaka, 25 da lista, especializado em cozinha nikkei. Uma mistura de comida Japonesa com Peruana. O restaurante tem filiais em várias cidades da América Latina: Santiago, 2 unidades em Buenos Aires, 2 em Lima, 1 em Quito e a mais recente foi aberta em São Paulo.
Culpada Confesso - Carol Marques - Osaka - Pisco e Mesa
E lá fomos nós fazer a reserva para garantir o nosso lugar ao sol, afinal, não dá para contar com a sorte. Aliás, também não dava para contar com meu portunhol, então recorri à um amigo peruano, mas residente em Santiago para fazer a reserva.
Horário marcado para as 20h, lá vamos nós para o Hotel W, no bairro Los Condes, onde está localizado o Osaka. O bairro é um dos mais chics da cidade e o hotel é 5 estrelas. Há outros restaurantes no hotel, mas não reparamos muito, pois o nosso foco era o Osaka. Vou admitir que antes de sair do apartamento dei uma olhada no cardápio para já ter uma ideia do que pedir. São muitas opções de pratos frios e quentes e queria aproveitar ao máximo a experiência. Muitas opções = Dúvida!
Como eu consegui olhar o cardápio? Através do Aplicativo Zomato. Não tem restaurantes de todos os lugares do mundo, mas eu gosto muito e uso com bastante frequência, inclusive porque tem Salvador e outras cidades do Brasil.
Voltemos ao Osaka… O ambiente é pequeno, há poucas mesas e é importante fazer reserva.
Culpada Confesso - Carol Marques - Santiago - Osaka - Ambiente
Ao chegar, eles entregam um pano quente com álcool para que você possa higienizar as mãos. Os garçons são muito simpáticos, bem treinados e mesmo que você não saiba espanhol, eles farão de tudo para tornar sua experiência maravilhosa.
Começamos com um Pisco como aperitivo enquanto olhávamos o cardápio. São muitas opções! Você fica zonza sem saber o que vai pedir. Todas elas parecem fantásticas e novamente ficamos olhando o que as mesas ao lado estavam pedindo, pois vai que passa algo maravilhoso? Não ocorreu. Todas as escolhas foram nossas mesmo. Rs
Culpada Confesso - Carol Marques - Osaka - Pisco
Ah, já ia esquecendo, todos os pratos podem ser compartilhados, assim, aumenta a gama de pedidos e a possibilidade de provar mais sabores.  Dito isso, vamos aos pratos:
Cortesia
Logo que chegamos cada cliente recebeu da casa um bolinho de cerdo (carne de porco) que tinha um molho de aji.
Culpada Confesso - Carol Marques - Santiago - Osaka - Bolinho
Tiradito
Os tiraditos são muy ricos! Ou seja, muito fartos!  Os ceviches e tiraditos são uma ótima opção para começar. É melhor iniciar com os pratos frios e depois partir para os quentes.
Os tiraditos lembram os sashimis, só que com um tipo de molho que faz toda a diferença. Já havia provado no Brasil (meu amigo peruano fez para alguns amigos), mas tenho que dizer que esse estava deliciosamente fantástico! Vale a redundância. Esse da foto é, segundo o garçom, um dos mais pedidos, o Carpassion: Mel de maracujá, limão, servidos com agrião e phillo strips. Esse último ingrediente eu não achei tradução, mas é super crocante e amei a fusão de texturas.Observe também como o prato é grande. São 18 sashimis. ️
 Culpada Confesso - Carol Marques - Santiago - Osaka - Tiraditos
Encantadas como primeiro prato, partimos para o segundo: Degustação de Ceviches.

Culpada Confesso - Carol Marques - Osaka - Ceviche

Devo dizer que depois de comer tiraditos eu não quero mais ceviche. Achei os tiraditos muito mais saborosos, mas não quer dizer que os ceviches são ruins, pelo contrário, também são ótimos. São servidos 3 tipos de ceviches. No meu paladar gostei mais do que tem maracujá. Os ceviches vem em menor quantidade, mas são pratos mais elaborados que os tiraditos e por isso mais caros.
Depois de dos pratos frios pedimos o Tako Panca Miso, polvo com Aji Panca (Pimenta típica peruada de ardor leve, sabor marcante e muito utilizada nas receitas regionais) e Miso (Missô ou Miso, é um ingrediente tradicional da culinária japonesa feito a partir da fermentação de arroz, cevada e soja com sal.)
Culpada Confesso - Carol Marques - Osaka - Polvo
Estava muuuuito bom! Estou sem palavras para descrever esse restaurante. É redundante ficar falando que é bom, maravilhoso, saboroso, e por aí vai… O polvo vem acompanhado de arroz temperado com pimentão, cenoura, cebola e outras coisinhas que não consegui identificar.
Culpada Confesso - Carol Marques - Osaka - Arroz
Ah, aprendi a comer arroz com hashi. Rs Para tudo na vida tem uma primeira vez.
Culpada Confesso - Carol Marques - Osaka - Arroz - Detalhe
Para finalizar, sim, finalizar, pois depois dos 3 pratos estávamos muito satisfeitas, resolvemos compartilhar uma sobremesa.  A escolha foi a Crema Helada, de chocolate branco sobre uma crosta de amendoim com frutas vermelhas e sorvete de limão. A foto fala por si.

Culpada Confesso - Carol Marques - Osaka - Sobremesa
Outras informações: 
Há uma carta de vinhos. Eu ainda pedi  uma taça durante o jantar. Você escolhe os vinhos num tablet. Super moderno!
Culpada Confesso - Carol Marques - Osaka - Carta de Vinhos
Acho que assim encerramos nossa visita ao Osaka. Entendo perfeitamente a escolha como um dos melhores da América Latina. Fiquei encantada! Ao final a conta ficou em aproximadamente R$ 150,00 reais por pessoa, o que não é caro considerando a quantidade de comida é comparado aos restaurantes do Brasil. O que achei realmente caro foi o Pisco, que custou 5.800 pesos, cerca de 30 reais.
Até a próxima!

Deixe seu comentário