categorias: Molho, Receitas

Eu que fiz: Pesto de manjericão

Confesso que já começo a escrever o post com uma leve insegurança. Sim, porque minhas aventuras na cozinha são recentes e, quando faço referências a receitas tradicionais, preciso explicar que não tenho intenção de reproduzi-las fielmente. É o caso desse pesto de manjericão, super hiper adaptado ao gosto de Mateus. Sendo assim, se você chegou aqui buscando uma explicação completinha e fiel aos modos de fazer italianos, pule para o post da Cucina Artusiana. Caso contrário, vem comigo:

Culpada Confesso - Pesto de Manjericão

Essa receita foi recomendada por um nutricionista e explicada de forma simples, sem medidas. Aqui ela ficou assim, direta, reta e cheia de alho.

Ingredientes

  • 01 xícara de manjericão;
  • 3/4 xícara de castanha de caju;
  • 01 cabeça de alho;
  • 200 ml de azeite de oliva;
  • 01 colher de chá de mel.

Culpada Confesso - Pesto de manjericão - Ingredientes

Como preparar

Basta processar todos os ingredientes no liquidificador (ou multiprocessador), até obter uma pasta homogênea. Essa receita rende, aproximadamente, 450 ml de pesto, que pode ser conservado num refratário fechado na geladeira por até uma semana.

Aqui em casa, o liquidificador ofereceu melhor rendimento que o processador do mixer (sabe aquele multifunção, que tem várias peças? Então.). Caso você tenha alguma insegurança na hora de bater, recomendo deixar a castanha por último e acrescentá-la aos poucos.

Depois de pronto, é só correr pro abraço e colocar o molho onde preferir: vai bem do macarrão da sua preferência à torradinha básica do café da manhã, passando pela sardinha assada. Mateus gosta, também, com pão de queijo!

Deixe seu comentário