categorias: Bares, Onde Ir, Restaurantes

Aconchego da Zuzu e os critérios que definem um buteco

O fim de semana foi bem intenso com 5 botecos visitados em 3 dias. Após a mini caravana de sábado, resolvi mudar um pouquinho de companhia (não que minhas irmãs não sejam super agradáveis) e chamar uma amiga que mora no Garcia para visitar um boteco na sua vizinhança.

No Garcia temos duas ótimas opções, o Aconchego da Zuzu e o Sabor Regional, mas como a intenção era almoçar, a escolha foi pelo primeiro.

O Aconchego da Zuzu não se encaixa na categoria do que eu considero um buteco. Acredito que ele é mais um restaurante do que bar. Na verdade ele é um restaurante familiar de fundo de quintal que ganhou fama pela sua comida caseira.

O espaço é bastante agradável. Nas paredes, pinturas e fotos da matriarca da família, Dona Zuzu, além de matérias sobre o restaurante. Nas mesas plásticas, toalhas de chita criam um ambiente colorido que casa muito bem com o clima “almoçando no quintal ao ar livre”.

Aconchego da Zuzu - Carol Marques - Ambiente

Acabei esquecendo de comentar no post passado sobre um debate que surgiu sobre o que podemos realmente chamar de buteco. Sou da trupe que acha que buteco, não precisa ser apenas aquele pé sujo com cachorro vira-lata na porta, ovo colorido e bebum escorado na cadeira. Por outro lado, EU – e aí é opinião pessoal e vocês podem concordar ou não (ainda bem que vivemos em um país democrático. Rs), – o Zuzu não é um local onde você vai para beber uma gelada e petiscar algo, o que para mim não o caracteriza como buteco. Para comprovar isso, basta olhar o cardápio (esqueci de tirar uma foto) e você verá que reinam pratos de moqueca, peixes e afins e praticamente nenhum tira gosto. Tudo se concentra em pratos para almoço. Quer mais? Olha o horário de funcionamento:

  • Terça a Quinta : 11h30 às 14h30
  • Sexta: 11h30 as 23h30
  • Sábado, Domingo e Feriado: 11h30 às 16h30

O único dia que funciona fora do horário de almoço é na sexta e ainda assim encerra antes da meia-noite.

Mas vamos à comida…

Pedi a garçonete o petisco Doritos e ela me olhou com cara de estranhamento. Respondi, também com cara de estranhamento, explicando que o Doritos é um dos patrocinadores e que os botecos tem que criar um petisco com o salgadinho. Na dúvida, ela foi perguntar aos universitários para entender o que eu estava falando e me retornou com a seguinte informação: O Aconchego da Zuzu não tem petisco com Doritos e a comissão do festival está ciente disso.

Ok, Ok, então só me restou partir logo para o petisco concorrente e pedimos a moqueca de carne acompanhada de purê de banana da terra e banana frita.

Moqueca de carne é um dos meus pratos prediletos, troco o camarão pela carne bem feliz, desde que tenha uma farofinha de dendê para acompanhar (a boca aguou aqui ao escrever e ao revisar o texto aguou novamente rs).

Aconchego da Zuzu - Comida di Buteco 2015 - Carol Marques - Petisco concorrente

A moqueca de carne estava bem temperada, bastante saborosa e o purê de banana da terra conseguiu quebrar um pouco o sabor do dendê. A porção é generosa e poderia almoçar o petisco tranquilamente (1 pessoa), mas surgiu a sugestão de almoçar no bar de Hamilton, que fica escondido no Garcia e tem uma moqueca generosa (para 3 pessoas) que vem borbulhando no tacho, por 50 conto (só aceita dinheiro). Sei que não faz parte do Comida di Buteco, mas fica a dica.

Bar do Hamilton - Carol Marques - Moqueca

Acho que já deu para perceber que não demorei muito tempo no Zuzu né? Não é um “buteco” que eu goste, por isso a minha permanência foi curta, mas isso não significa que você não vá gostar, até porque tenho vários amigos que adoram.

ATENDIMENTO E BEBIDAS

Não posso dizer que o atendimento foi bom, mas também não posso dizer que foi ruim. Deste modo, chegamos a conclusão que ele foi meia boca. Assim como aconteceu no Internacionais e no Mistura Perfeita, o espaço estava todo decorado com as bandeirolas do Comida di Buteco, mas não nos foi oferecido o petisco e a iniciativa de perguntar foi nossa.

Quanto a cerveja Bavaria Premium só tinha long neck, e não rolava aquela promoção linda de a cada 3 cervejas a 4ª ser “da casa”. Sendo assim, ficamos com a velha Skol mesmo.

Inté a próxima!

Aconchego da Zuzu
Endereço: Rua Quintino Bocaiúva, 18 – Fazenda Garcia
Telefone: (71) 3331-5074
Valor do petisco concorrente: R$22
Cerveja Skol: R$6

4 comentários

  1. Lila 19.04.2015

    E esse bar do Hamilton, onde é que fica? Moro no Garcia e fiquei super interessada em conhecer? 😀

    1. Carol Marques 21.04.2015

      Oi Lila, o bar do Hamilton fica na TV do Panta. Uma rua sem saída atrás do Aconchego da Zuzu. É bar de rua super simples, mas com o que podemos chamar de comida sincera. ☺️

      1. Lila 24.04.2015

        Obrigada, Carol!

Deixe seu comentário